Descobertas Arqueológicas

A MÚMIA PERFEITAO ATAÚDE DA MÚMIA PERFEITA Equipe de arqueólogos japoneses da Universidade de Waseda encontrou, em janeiro de 2005, o que acreditam ser a múmia perfeita. Ela foi localizada num sítio arqueológico da localidade de Dahshur, ao norte do Egito, 80 quilômetros ao sul do Cairo, em uma tumba intacta que deve ter entre 3500 e 4000 anos de existência, ou seja, anterior ao período do faraó Tutankhamon (c. 1333 a 1323 a.C.). O corpo estava em um ataúde de madeira fechado, com 1,82 cm. de comprimento, 57 cm. de largura e 1,05 cm de altura. Trata-se de um homem, tendo sobre o rosto uma máscara pintada de azul e vermelho que ainda mantém cores vivas. O caixão está pintado de amarelo e traz inscrições hieroglíficas em azul claro em todas as laterais, revelando que o morto era um funcionário administrativo chamado Senw. Fotos Waseda University.



ANDARILHOSRetorna

HOME PAGEHome page